Pedro Nonato

De Janelapédia

Nascido no Rio de Janeiro em 8 de maio de 1965, Pedro Aloisio Maria Fernandes Nonato da Silva, estudou e completou sua educação básica na Cidade do Rio de Janeiro, no Colégio Andrews, depois cursou Direito na PUC/RJ e Comunicação Social na UniverCidade/RJ, além de ter feito diversos cursos de extensão na área de comunicação, é Jornalista e Publicitário.

Fluente em inglês e francês, já viveu no exterior em Buenos Aires, Lisboa, Washington DC, Paris (por dois períodos, em 1978/1979 e entre 2010 a 2015) e Miami, onde atualmente mantém residência desde o início de 2016 e tem como hobbies a música clássica, teatro, cinema, leitura, viagens e os jogos de gamão e golfe.

Após breve passagem pelo Banco Garantia, atual Credit Suisse, começou na área de Comunicação em 1985, como profissional do setor de Planejamento, na área de Promoções e, entre 1988 e 2004, foi coordenador de comunicação em mais de trinta e cinco campanhas políticas para Prefeito, Vereador, Governador, Deputados Estadual e Federal, Senador e Presidente.

Nos anos de 1990 e 1991, durante o Governo Moreira Franco no Estado do Rio de Janeiro, foi Assessor de Comunicação Social junto à Diretoria Administrativa e Financeira da SERLA, atual Fundação Superintendência Estadual de Rios e Lagoa do Estado do Rio de Janeiro.

Em 2002 foi um dos fundadores do Guanabara Já, um movimento espontâneo e apartidário por excelência e nascimento: sua intenção era jogar luz sobre todo o processo que culminou com a fusão Estado do Rio de Janeiro e o então Estado da Guanabara – transformado então no Município do Rio de Janeiro, como que hoje o conhecemos – e, mais que tudo, discuti-lo e rever este último resquício autoritário do Golpe de 1964.

Fundou em outubro de 2004, com Marcos Silveira, o Instituto da Propaganda (IP), curso livre com foco no desenvolvimento do raciocínio criativo aplicado à comunicação e foi Presidente do Grupo de Atendimento e Planejamento do Rio de Janeiro (GAP/RJ), entidade de classe que representa os profissionais destas áreas, por dois mandatos, entre outubro de 2005 a setembro de 2008.

É membro da Câmara de Comércio França – Brasil (CCFB), desde Janeiro de 2006 e é Membro Fundador da Associação dos Dirigentes de Vendas do Brasil, capítulo do Distrito Federal (ADVB-DF), sendo seu Conselheiro de Maio de 2007 até Abril de 2009.

É membro do “Advisory Board” da “Association for Electronic Music” (AFEM) desde outubro de 2015, para o biênio de 2016-2017 foi eleito por voto direto de seus pares para a cadeira de “Not for Profit & Education” da Associação e atualmente faz parte do seu “work-group” de “brand sponsorship/corporate membership class”.


Atuação Profissional:

Mais de 33 anos de experiência em vendas, marketing e planejamento para a estruturação, comercialização e desenvolvimento de novos negócios, produtos e projetos de entretenimento, projetos editoriais e projetos de no media, notadamente em relação aos setores ligados à economia criativa e conteúdo como música, cultura e educação, através de instrumentos de reconhecimento de grandes marcas com seus públicos, gerando valor para todos os envolvidos neste processo.


Experiência profissional:

SHARE - de dezembro de 1985 a março de 1988: Sócio-fundador, Diretor de Atendimento e Planejamento, atendia clientes e agências na área de promoções.

AQUATRO / TANDEM – de abril de 1988 a outubro 1991: Diretor de Atendimento destas duas agências cariocas.

DÉCADA PROPAGANDA – de janeiro 1992 a novembro de 1999: Sócio-fundador, sendo seu Vice-Presidente Executivo e Diretor de Atendimento e Novos Negócios.

A Década Propaganda controlava uma empresa de Assessoria de Imprensa e uma empresa de Telemarketing, além de ter mantido, nos anos de 1992 e 1993, um acordo operacional com a JMM / MG atendendo à Brasif / Duty Free, Cia. Vale do Rio Doce e Siderúrgica Mendes Júnior.

100% PROPAGANDA – de dezembro de 1999 a janeiro de 2001: Sócio-fundador e Diretor de Atendimento, responsável pelas áreas de Atendimento e Novos Negócios.

DOCTOR PROPAGANDA – de fevereiro de 2001 a abril de 2006: Diretor de Operações, responsável pelas áreas de Atendimento, Mídia, Produção e Novos Negócios.

JORNAL DO BRASIL – de maio de 2006 a março de 2010: aceita um convite do Jornal do Brasil para assumir a Diretoria de Negócios, onde sua atuação era a de incrementar permutas e parcerias comerciais.

Julho de 2006: passou a acumular a Diretoria de Projetos de Mercado, onde desenvolveu novas formas de atuação, buscando soluções integradas junto às expectativas dos clientes.

Dezembro de 2006: passou a acumular também a Diretoria de Marketing Comercial, que tinha como objetivo dar suporte de marketing e comunicação à todas as Unidades de Negócios do Departamento Comercial do Jornal do Brasil, além de criar e executarações de relacionamento com o mercado anunciante.

Janeiro de 2007: acumula a Diretoria Comercial da Revista JB Ecológico.

Maio de 2007: deixa todas as funções anteriores para se tornar Diretor da Sucursal de Brasília, responsável pela representação e performance comercial do Jornal do Brasil junto ao Governo Federal, Missões Estrangeiras, Confederações, Associações e também Sindicatos com sede na Capital Federal.

Em Brasília ainda responde pela performance comercial do Caderno JB Brasília junto ao GDF - Governo do Distrito Federal - e iniciativa privada local, além de fazer parte do grupo de trabalho para o lançamento de um novo jornal diário nesta praça.

Maio de 2008: acumulando sua função anterior, é líder do grupo de trabalho cuja missão é reorganizar a atuação do Núcleo São Paulo do JB, que é responsável pela performance comercial do Jornal do Brasil junto ao mercado anunciante da Cidade de São Paulo, interior do estado de São Paulo, Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul.

Agosto de 2008: deixa as funções anteriores para se tornar Diretor de Projetos Editoriais onde sua função cobria os seguintes aspectos:

Para o JB: desenvolver e ofertar ao mercado o maior número possível de projetos editoriais ou eventos onde as prioridades eram a geração de caixa com alta margem de contribuição para a operação, além de agir como fator de diferenciação, agregando valor ao Departamento Comercial através de ações customizadas aos clientes, realizando, sempre que possível, o cross-selling / cross-media entre os produtos da Divisão e/ou da CBM, composta ainda pela Gazeta Mercantil e Editora Peixes. Em sua visão, o escopo dessa atuação se dava por segmento de mercado, região geográfica, relevância editorial e interesse empresarial.

Para o mercado: criar e comercializar projetos editoriais, que possibilitassem ao cliente desenvolver uma estratégia de comunicação consistente e que contribuiria de forma significativa para os seus desafios empresariais, mercadológicos, além de trazer impacto positivo para a percepção de sua marca.

Para os leitores: o conteúdo editorial com relevância e pertinência, agregando valor ao Jornal como um todo.

Janeiro de 2009: assume nova posição: a de Vice-Presidente Sênior de Negócios, onde tem como missão criar sinergia entre as marcas Jornal do Brasil e Gazeta Mercantil, através de suas áreas de Mídia Tradicional, No Media, Projetos Digitais e Projetos Editoriais, sempre fazendo novas e audaciosas parcerias comerciais, que tragam o que o mercado anunciante deseja, margem para a empresa e seus parceiros, além de relevância aos leitores e usuários de ambos os veículos.

Setembro de 2009: após a reorganização da CBM e o foco da empresa para a publicação apenas do Jornal do Brasil e seus produtos revistas Domingo, Programa, JB Ecológico, JB Energia e JB Online, assume a posição de Diretor Executivo para o Setor Público.

Tem sob a sua responsabilidade, em todo o território nacional, a representação institucional e a performance comercial do Jornal do Brasil junto aos Poderes Executivo, Legislativo e Judiciário, em todos os seus níveis, em todo o Brasil: ministérios, secretarias, autarquias, agências reguladoras e empresas públicas.

Janeiro de 2010: deixa as funções executivas no Jornal do Brasil e se muda com a família para Paris, para atuar como seu jornalista correspondente e manter uma coluna dominical, sob o título Rive Gauche, até março daquele ano.


GLOBAL SPORTS NETWORK – de maio de 2012 a dezembro de 2014: Membro do Conselho de Administração da Global Sports Network que atuava no segmento de esportes, notadamente em Conteúdo Esportivo, Gestão Esportiva, Marketing Esportivo e Gestão de Carreiras e sua atuação se fez junto ao CEO e aos controladores da GSN a fim de aconselhar sobre o desenvolvimento de novas estratégias institucionais e sobre novas oportunidades empresariais.


BRASIL MÍDIA DIGITAL – de agosto de 2009 a dezembro de 2015: passa a atuar como Diretor Internacional da BrMD, empresa que operava nas áreas de Conteúdo, Mídia e Jornalismo onde publica, desenvolve e comercializa os seguintes produtos e serviços:

 Agência IN, gestão da informação e conteúdo sob medida  Investimentos e Notícias, portal de jornalismo econômico  Balanços Patrimoniais, site e serviços com demonstrações e análises financeiras de empresas de capital aberto

Na BrMD sua atuação se dava na criação e desenvolvimento de projetos editoriais e comerciais, na busca de oportunidades empresariais e de acordos de cooperação, na troca de conteúdos exclusivos, na aquisição de licenças de eventos internacionais para realização no Brasil e de parceiros internacionais para realização de eventos sobre o Brasil na Europa e ainda na cobertura de matérias jornalísticas e na produção da Coluna Rive Gauche, sobre Paris e a França de forma geral.


RIO MUSIC CONFERENCE – de outubro de 2011 a fevereiro de 2018: atuava como Jornalista Correspondente e Diretor Internacional da RMC, empresa produtora, de 2009 a 2017, dos eventos Brazil Music Conference – antigo Rio Music Conference - composto por uma série de conferências sobre o setor do entretenimento presencial e da música digital e que é atualmente considerado como dos mais relevantes eventos de “Live Entertainment & Content” de todo mundo em seu gênero.

Sua atuação se dava na criação e desenvolvimento de projetos editoriais e comerciais, na busca de novas oportunidades empresariais e de acordos de cooperação, na troca de conteúdos exclusivos e na cobertura de matérias jornalísticas para seus dois veículos de comunicação próprios: o Portal RMC, de jornalismo online e o Anuário de Mercado RMC, impresso com cerca de 200 páginas em português e inglês.


MORE MUSIC LIVE – de outubro de 2014 a fevereiro de 2018: passou a acumular as funções de Diretor Internacional da MMLive Eventos, empresa que nasceu como uma spin off da unidade de produção dos shows do RMC e que realizou shows de artistas como Steve Aoki, Hardwell, David Guetta, e ainda diversas edições em todo o Brasil do Fusion Stage, em parceria com a Ambev.

A MML deteve os direitos para produzir no Brasil as edições brasileiras do Ultra Music Festival – um dos mais abrangentes e importantes festivais mundiais de Dance Music – nos anos de 2016 e 2017 – e ainda deteve os direitos para a produção no Brasil dos eventos, do portal e da revista DJ MAG, o mais importante veículo de comunicação de todo o setor de “Dance Music” em todo o mundo até o início de 2018.

Na MML sua atuação se dava na criação e desenvolvimento de novos produtos, de oportunidades empresariais e na busca de acordos de cooperação e troca de conteúdos exclusivos.


DANCE MUSIC COMPANY & ENTERTAINMENT - desde março de 2018: passou a atuar como Diretor de Desenvolvimento Internacional da DMCE, empresa de entretenimento que possui duas divisões distintas: Consultoria e Desenvolvimento de Projetos, especialmente os relacionados com música, educação, cultura e hospitalidade. Entre seus clientes de Consultoria podemos citar:

• RIO MUSIC CARNIVAL - desde março de 2018: produzido desde 2009 no Rio de Janeiro, o Rio Music Carnival é o maior festival Dance Music de carnaval em todo o mundo, com duração de cinco dias durante o Carnaval da Cidade Maravilhosa. Ao longo de suas edições passadas já recebeu mais de 500.000 pessoas e se apresentaram mais de 230 estrelas da música eletrônica mundial.

• NETPDV - de março a outubro de 2018: pioneira no Brasil no segmento de “cashless solutions”, é hoje a maior provedora destes serviços para o setor do entretenimento de toda a América Latina, com presença em mais de 70 cidades na região e mais de 3.500 eventos realizados em 2016/2017.

Suas soluções englobam cartões pré-pagos, pulseiras de consumo recarregáveis, ingressos, fichas eletrônicas, controle de acesso, meios de pagamento, controle de estoque e seu campo de atuação se dá em festivais & shows, arenas & estádios, boates & clubes, feiras & congressos, resorts & hotéis, escolas & universidades, praças de alimentação & restaurantes etc.

• G.KI RESULTS - desde agosto de 2018: a G.KI é uma consultoria de negócios baseada em Miami cujo foco principal é melhorar receitas, reduzir despesas e aumentar lucratividade se valendo das habilidades, conhecimentos e experiências de sua equipe sempre oferecendo soluções “out-of-the-box” e utilização de métodos de gestão apoiados intensamente em tecnologia da informação.

• PARIS ELECTRONIC WEEK - desde novembro de 2018: a “Paris Electronic Week” é o primeiro hub de negócios francês para profissionais de Dance Music, sendo promovida desde 2013 pela associação “Technopol” - o mais importante órgão francês para o reconhecimento, promoção e defesa do setor.

• TECHNO PARADE PARIS - desde novembro de 2018: também promovido pela “Technopol”, esse evento celebra a cultura da música eletrônica reúne cerca de 300.000 pessoas nas ruas de Paris desde 1998, anualmente.